Hora certa:
 

Noticias

Alunos da rede pública receberão treinamento em ressuscitação cardiopulmonar

Mais de 5 mil alunos das escolas paulistas participarão do maior mutirão de treinamento em ressuscitação cardiopulmonar já realizado no Brasil. Organizado pela Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP), o evento será realizado de 4 a 6 de junho, no espaço Transamérica Expo Center, e conta com apoio da Pfizer, da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo e do Corpo de Bombeiros. Participarão da iniciativa estudantes da rede pública estadual a partir de 11 anos de idade.

De acordo com a SOCESP, a chance de sobrevivência a um enfarte é quatro vezes maior quando o paciente está perto de alguém capaz de reconhecer os sintomas, pedir socorro ao serviço adequado (SAMU ou Corpo de Bombeiros) e, principalmente, iniciar as compressões torácicas (RCP – ressuscitação cardiopulmonar). A mortalidade em situações como essa varia de 8% a 30%, conforme a assistência prestada ao paciente. Por isso, o treinamento é uma ferramenta fundamental. 

Além de receber o treinamento, que também será aberto ao público, os alunos discutirão o tema da “ressuscitação cardiopulmonar” durante as aulas e com suas famílias, no contexto do Programa Escola da Família, uma forma de envolvimento dos familiares no cenário escolar por meio de programações específicas aos sábados e domingos.

Sustentabilidade

Pela primeira vez, um treinamento em massa de ressuscitação cardiopulmonar será realizado exclusivamente com um boneco elaborado a partir de materiais recicláveis. Até então, eram usados nessas atividades manequins importados que custam, por unidade, cerca de US$ 50 (aproximadamente R$ 150) e podem ser usados apenas seis vezes. 

Mas, graças a uma solução inovadora desenvolvida pelo cardiologista Agnaldo Píspico, membro da SOCESP, foi possível reduzir esse custo.  Com o intuito de reproduzir o tórax humano, o médico criou um boneco feito com uma garrafa pet tampada e cheia de ar – cuja pressão fica idêntica à do tórax humano –, juntamente com outros materiais reciclados que foram usados para encher uma camiseta com extremidades grampeadas, que serve de invólucro ao “corpo” do boneco.

Testes realizados com 200 estudantes em uma escola de Araras, no interior do Estado, mostraram que o treinamento feito com o boneco “Guizinho” (nome dado ao manequim sustentável em homenagem ao seu criador) é 40% mais eficaz do que aquele realizado com as peças importadas.

Nas escolas envolvidas no treinamento, os bonecos sustentáveis já estão sendo produzidos pelos alunos em oficinas de arte. A ideia é que os estudantes que participarem da ação levem seus próprios bonecos no dia do treinamento e, depois, voltem com eles para casa, onde replicarão o conhecimento obtido.

Dados sobre a doença

A cada minuto e meio, uma pessoa no mundo morre por problemas relacionados ao coração, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). As doenças cardiovasculares são a principal causa de mortes no Estado de São Paulo, de acordo com a SOCESP. Cerca de 350 mil óbitos por enfarte ocorrem todos os anos no Brasil e metade das vítimas falece até uma hora depois dos manifestação dos primeiros sintomas, de acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia. Estima-se que ocorram 720 paradas cardíacas no Brasil todos os dias (a estima se baseia em registros americanos que apontam 50 paradas cardíacas para cada 100 mil pessoas por ano). 
 
 

UPpharma on-line: publicação dirigida a médicos, prescritores e profissionais da saúde


(11) 5533-5900 – uppharma@uppharma.com.br
O conteúdo dos artigos assinados no site e no boletim UPpharma on-line é de responsabilidade de cada um dos autores. As opiniões neles impressas não refletem, necessariamente, a posição desta Editora.
Não é permitida a reprodução de textos, total ou parcial, sem a expressa autorização da DPM Editora.
Informações adicionais poderão ser solicitadas pelo e-mail uppharma@uppharma.com.br . Qualquer dúvida, ou dificuldade de navegação, poderá ser atendida pelo serviço de suporte UPpharma on-line pelo e-mail: uppharma@uppharma.com.br

Seu IP: 34.239.151.124 | CCBot/2.0 (https://commoncrawl.org/faq/)